Pedro Vieira | Quais são os princípios da influência?

Pedro Vieira | Quais são os princípios da influência?
Spotify
Apple Podcasts
Google Podcasts
Whatsapp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Email
RSS
Ouvir no telemóvel

Nesta edição detalhamos as fórmulas de comunicação que todos usamos para nos influenciarmos uns aos outros.

Influenciar é um ato natural entre seres humanos.

De forma consciente ou inconsciente todos tentamos convencer os outros da nossa verdade.

Pode ser nas coisas mais simples: “já viste a última série de tv?

Ou um “vês como o meu clube de futebol joga bem e vai ganhar o campeonato?

Uma forma de dizer: “junta-te a nós!”.

No desporto, na política, nos negócios, na cultura.

Normalmente os processos de influência até tem um bom objetivo final: ajudar-nos a viver melhor.

Se essa influência partir de alguém que pensa genuinamente em nós.

O pior é se quem nos quer influenciar tem uma chamada “agenda escondida”.

Quer-nos levar a fazer coisas que apenas servem, ou principalmente servem, os interesses do influenciador.

E aqui as coisas tornam-se desonestas.

Porque a maioria destas técnicas usa ratoeiras emocionais que exploram as nossas vulnerabilidades.

E por isso há que estar-lhes atento.

Neste programa converso com Pedro Vieira.

Ele é um treinador de pessoas, ou como dizem os ingleses, um ‘coach‘.

E ele explora este tema que cruza comunicação com a influência, com mestria.

Em particular os 6 princípios da influência, de Roberto Cialdini.

Por exemplo, o princípio da prova social, autoridade, afinidade, escassez, compromisso e consistência, e reciprocidade.

Estes princípios podem ser usados para manipular as decisões e ações das pessoas, e por isso é importante estar ciente destas táticas para se defender contra elas.

Por isso importa que haja honestidade na influência, anunciando claramente as suas intenções desde o início. Esta é a chave para uma influência positiva e produtiva.

Já agora não pense que isto da influência menos transparente tem só a ver com os outros.

Sim, todos podemos ser assim. E é por isso é importante ser autoconscientes na compreensão das nossas próprias intenções.

O encantamento faz seguramente parte caixa de ferramentas de um bom influenciador. Também alguém que honestamente nos convence a decidir .

A fronteira entre a influência positiva e honesta da manipuladora e dissimulada é estreita.

Vale estar atento e perceber desde o início porque nos estão a hipnotizar de forma simbólica.

Assim tomaremos decisões mais conscientes e menos sensíveis aos cantos de sereia.

TEMAS

Trabalho de um coach [00:02:27]
Os speakers explicam como um coach ajuda as pessoas a explorarem caminhos e possibilidades para alcançar seus objetivos.

Influência e manipulação [00:07:23]
A diferença entre influência e manipulação, e como ambas usam os mesmos mecanismos de comunicação.

Interesses na comunicação [00:08:36]
A importância de ter clareza sobre os interesses das pessoas envolvidas na comunicação e como isso pode afetar a influência exercida.

Princípios da influência [00:09:48]
Os seis princípios da influência, segundo o psicólogo Robert Cialdini, são discutidos, com destaque para a diferença entre influência e manipulação.

Afinidade ou simpatia [00:13:05]
O princípio da afinidade ou simpatia é explicado, com ênfase na sua exploração por manipuladores para gerar empatia e constrangimento.

Inconsciente e tomada de decisão [00:11:22]
A ativação subconsciente de ideias e mecanismos que levam a tomada de decisões que não correspondem à vontade consciente.

Princípio da Autoridade [00:15:27]
Como a autoridade é utilizada para exercer influência e manipulação nas relações interpessoais.

Coerência e Compromisso [00:19:02]
Explicação de como o princípio da coerência e compromisso é utilizado para manipular as pessoas a cumprirem com as suas promessas e sentirem-se constrangidas caso não o façam.

Sentido Crítico [00:18:49]
O alerta sobre a importância de se ter um senso crítico relativamente à autoridade e à credibilidade atribuída a uma pessoa, mesmo que ela se apresente como especialista ou autoridade em determinado assunto.

Princípio da consistência [00:20:51]
Explicação sobre como o manipulador utiliza perguntas para ativar o princípio da consistência e compromisso.

Princípio da escassez [00:22:52]
Discussão sobre como o princípio da escassez é utilizado para promover uma tomada de decisão mais rápida e como é importante ter cuidado para perceber se a escassez é real ou uma pressão adicional.

Princípio da prova social [00:25:06]
Explicação sobre como o princípio da prova social é utilizado para mostrar que a escolha é segura e como é mais seguro fazer o que a maioria das pessoas já está a fazer.

Princípio da Carneirada [00:26:48]
Discutem sobre como seguimos a multidão e como isso afeta as nossas escolhas.

Princípio da Reciprocidade [00:27:58]
Explicam a diferença entre reciprocidade saudável e manipulação, e como empresas usam isso para vender.

Defesa contra más influências [00:30:47]
A importância de ter clareza sobre as intenções das pessoas envolvidas na comunicação e como isso pode afetar a influência exercida.

Anunciar a intenção [00:32:25]
A importância de anunciar claramente as intenções para que a influência não se torne manipulação.

Honestidade [00:33:34]
A honestidade como um ato fundamental para a influência positiva e produtiva.

Raízes da manipulação [00:35:28]
A reflexão sobre as raízes da manipulação e como isso pode influenciar como as pessoas se comunicam e se relacionam.

LER A TRANSCRIÇÃO DO EPISÓDIO

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *