Como aprender a voar? José Correia Guedes

Como aprender a voar? José Correia Guedes
Spotify
Apple Podcasts
Whatsapp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Email
RSS
Ouvir no telemóvel

Hoje vamos voar.

Sim, seguimos no habitáculo de um avião, especialmente atentos a todas as trocas de palavras que por lá são ditas.

Entre pilotos, entre o avião e a torre de controlo ou entre o comandante todos nós que seguimos sentados no papel de passageiros.

Senhores passageiros, apertem os cintos, vamos descolar.


TÓPICOS & TEMPOS

00:00:00 Introdução – Introdução à carreira do Comandante Guedes na aviação civil.

00:03:20 (Primeira experiência de voar sozinho) – As emoções contraditórias ao voar sozinho pela primeira vez.

00:05:36 (Primeira grande emergência) – O incidente de emergência após a descolagem e a falta de experiência para lidar com a situação.

00:07:41 (Lidar com o medo durante uma crise) – A ausência de medo durante a crise e o impacto emocional após o evento.

00:10:46 (Reflexão sobre a responsabilidade) – O peso da responsabilidade de ter vidas sob sua responsabilidade e o alívio ao deixar de voar.

00:11:24 (Início do sequestro) – O relato do início do sequestro durante um voo de Lisboa para Faro.

00:13:27 (Estratégias durante o sequestro) – A importância de obedecer durante um sequestro e as estratégias adotadas para lidar com a situação.

00:15:44 (Síndrome de Estocolmo) – A relação estabelecida entre assaltante e assaltado durante o sequestro.

00:16:11 (Escolha de confiança e comunicação) – O Comandante Guedes fala sobre a escolha do sequestrador para se comunicar e a estratégia de negociação.

00:16:53 (Negociação e intervenção policial) – Discussão sobre as negociações com o sequestrador e a intervenção das forças de segurança espanholas.

00:19:06 (Resposta do governo português) – O papel do governo português na negociação e a recusa do pedido de resgate.

00:20:10 (Concessões e negociações) – A estratégia de fazer concessões e o papel dos pilotos em situações de sequestro.

00:21:07 (Empatia e negociação) – A importância da empatia e negociação para resolver a situação de sequestro.

00:22:16 (Negociações finais e resolução) – As negociações finais e a proposta para resolver o problema do sequestro.

00:24:09 (Desfecho e consequências) – As negociações finais, desfecho do sequestro e as consequências para o sequestrador.

00:28:43 (Conclusão e reflexão) – O que o Comandante Guedes aprendeu com o episódio do sequestro e o percurso do sequestrador após a libertação.

00:29:13 (O percurso do Comandante Guedes) – Comentários sobre a trajetória profissional e pessoal do Comandante Guedes, incluindo um episódio específico de superação.

00:30:16 (Confiança nos pilotos) – Discussão sobre a confiança dos passageiros nos pilotos, especialmente em relação à presença de mulheres no cockpit.

00:30:46 (Mulheres na aviação) – Reflexões sobre a entrada de mulheres no cockpit, desafios e características positivas observadas.

00:35:22 (Tecnologia na aviação) – Exploração do papel da tecnologia na aviação, incluindo a confiança nos sistemas automáticos.

00:36:22 (Conflito entre humano e máquina) – Discussão sobre a potencial tensão entre a experiência do piloto e a confiança na tecnologia.

00:40:10 (Confiança na tecnologia) – Reflexões sobre a confiança dos mais jovens na tecnologia e a sua disposição para voar em aeronaves sem pilotos humanos.

00:41:34 (Erro humano e responsabilidade) – Análise de um incidente específico em que houve um equívoco na comunicação entre pilotos e as consequências disso.

00:42:26 (Problemas Mecânicos na Aviação) – Discussão sobre problemas técnicos em aeronaves e a importância do controle e manutenção.

00:44:37 (Concorrência na Indústria Aeronáutica) – Comparação entre as empresas Boeing e Airbus e suas inovações tecnológicas na aviação comercial.

00:47:04 (Problemas na Boeing) – Análise dos problemas enfrentados pela Boeing, incluindo questões de segurança e concorrência.

00:49:58 (Desafios de Treinamento Militar) – Dificuldades no treinamento de pilotos militares e a adaptação a novas tecnologias e idiomas.

00:51:55 (Impacto da Tecnologia Militar na Vida Civil) – Reflexão sobre como os avanços na tecnologia militar beneficiam a vida civil, incluindo a aviação comercial.

00:52:30 (Aprendizado com Guerras) – Discussão sobre como as guerras impulsionam o desenvolvimento tecnológico e a aprendizagem em diversas áreas, incluindo a aviação.

00:53:53 (Segurança na Aviação Comercial) – Abordagem da segurança na aviação comercial e estratégias para tranquilizar passageiros com medo de voar.

00:55:35 (Turbulência e correntes de jato) – Explicação sobre turbulência de ar limpo e correntes de jato.

00:57:19 (Importância do cinto de segurança) – Discussão sobre a importância do uso do cinto de segurança em aviões.

00:58:33 (Procedimentos em emergências) – Explicação sobre os procedimentos de emergência na aviação comercial.

00:59:50 (Comunicação e feedback) – Ênfase na importância da comunicação clara e do feedback entre os pilotos.

01:00:29 (Pilotagem manual e segurança na aviação) – Reflexão sobre a pilotagem manual e a evolução da segurança na aviação.

01:02:16 (Conclusão e agradecimentos) – Encerramento da conversa e agradecimentos finais.


Pilotar um avião é uma tarefa difícil.

Entender a máquina, compreender a meteorologia, navegar pelos céus e pelos caminhos dos aeroportos.

Isto é a rotina.

Mas o convidado desta semana tem múltiplas histórias de carreira que desafiam esta paz e previsibilidade que nos descansa.

Quis o destino que José Correia Guedes tenha sido posto à prova logo no seu primeiro voo.

Mesmo no primeiro. O primeiro voo sozinho, sem instrutor a bordo.

Ora o avião de um só motor, calou-se.

Sim, o motor falhou em pleno voo.

E tudo ficou em suspenso. O avião, o piloto, até o coração do piloto, suspeito que até a respiração.

E o avião planou…

Já vamos ouvir esta história.

Até porque na carreira de piloto José Correia Guedes tem para contar o dia em que o seu avião foi sequestrado.

O voo da TAP seguia de Lisboa para Faro quando um homem entrou armado na cabine ordenando que os pilotos mudassem a rota para Madrid.

Vamos saber tudo sobre os longos minutos de negociação que se seguiram.

Afinal, a comunicação é uma ferramenta vital para nos contar como está o tempo lá no ar e para evitar uma catástrofe que podia acontecer se aquela arma carregada fosse disparada.

A indústria das viagens aéreas melhorou muito a sua segurança. Não só analisa e corrige as causas de acidentes como está um passo à frente: investiga todos os quase-incidentes.

Os típicos “não aconteceu mas podia ter acontecido”

Também nestes casos há procedimentos de correção aplicados em todos os aviões ou processos de todo o mundo.

O comandante José Correia Guedes usa uma curiosa expressão na sua rede social Twitter, ou X, como agora de baptizou.

É a expressão: “Então pá?” Cunhada pela boca de um chefe quando o chamou para falar de algo que não correu como era esperado.

Nos casos de emergência, cada piloto de avião tem 3 palavras-guia: voar, navegar e comunicar.

Apertem os cintos e tenham nervos de aço.

Afinal, como todos os pilotos.

Siga a página de José Correia Guedes aqui https://x.com/cpt340

ou aqui https://www.instagram.com/cptboeing/

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *