Felisbela Lopes

Felisbela Lopes

Fixem esta expressão: A “Confraria das Fontes”
É uma das expressões de Felisbela Lopes que define aquelas pessoas que estão sempre a ser vistas nas televisões.
Ou sempre os mesmos – uma e outra vez.
É que esta comunidade da chamada confraria das fontes informativas foi subita e saudavelmente invadida por outras fontes de informação. 
Por outras pessoas que apareceram a dizer coisas diferentes e interessantes.
Efeitos secundários da cobertura da pandemia.
Mas não ficamos por aqui..
Os jornalistas assumem habitualmente que reportam com rigor e distanciamento os temas que tratam.
Há uma curiosa discussão no campo do jornalismo se devem existir causas defendidas pelos repórteres. Uma espécie de jornalismo de causas.
Pois eis que aconteceu um fenómeno na comunidade dos jornalistas:

Mais de 90% dos jornalistas portugueses que responderam a um estudo sobre o tema afirmam que sim, que tentaram influenciar activamente os cidadãos para induzir uma mudança de comportamentos. Neste caso para responder à pandemia de COVID-19.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.